29 de jul de 2011

AMBIGUIDADE



Ambigüidade
Soni@ Pallone


"...Sou um mar
imenso e acovardado
que bate nas rochas devagar,
sofrendo na clausura
de um pensamento  colado no tempo...

O caos age sobre
o silêncio irreverente de uma
voz rouca,
que nega um grito eloqüente
e jaz adormecida
nas raízes do corpo em desalinho...

Um outro eu
atravessado na garganta
espera o momento da semente
e o nascimento de um verso
chamado gente..."

29 comentários:

✿ chica disse...

Que bom assim cedinho ler poesia ...LINDA!E que bom te ver.

Estarei retornando hoje após as férias, para casa.Assim,logo tudo retoma a rotina!

bjs,chica

EDER RIBEIRO disse...

um estupendo poema que caberia na vida de todos nós. Bjos

Majoli disse...

Minha linda amiga, penso que muitos de nós, nos encaixemos dentro desse seu lindo poema.

Estava já com saudades de te ler.
Seja bem vinda.
Espero que tenha tido deliciosas férias.
Beijos enormes no teu coração.

Rô... disse...

oi Sonia,

que beleza de poema,
muito bom te ler,
sempre temos pensamentos
colados no tempo,
não deveríamos,
mas temos...

beijinhos
saudades

angela disse...

Saudades!
Lindo e que bom que apesar de tudo algo ainda pode nascer.
beijos

Suely - HD disse...

Olá Sonia,

Boa tarde,

Saudades dos seus contatos.

Deus é contigo,

Paz!!!

Suely

Sueli disse...

Que bom estarmos de volta, minha amiga querida! Sabe, às vezes sinto-me tembém como um mar, tão cheio de opções, mas que se realiza ao simplesmente abraçar uma rocha. De tão feliz, explode em pedacinhos de si, que depois se juntam novamente e se preparam para voltar ao seu intento... Beijo grande!

Sônia Silvino disse...

Soninha, minha querida xará!
Lindo blog, linda música, lindos textos!!!!!!
Beijocas!

OceanoAzul.Sonhos disse...

Sonia, que bom você está de volta!!! Lindo esse seu poema, quase me revi nele...

Muito obrigada pelo seu carinho lá no meu oceano.
Beijinho e boa semana.
oa.s

Vera Lúcia disse...

Que maravilha, Sonia!
Em você, a poesia grita de verdade.
Bem vinda de volta.
Se tiver um tempinho, passe em meu Recanto e leve um selo comemorativo
que está nos post do dia 30/07.
Tenho prazer em oferecê-lo a você,
que também faz parte da minha
comemoração.
Beijo grande.

Sonia Pallone disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
SOL da Esteva disse...

Sónia

Bom, é ter o mar amansado e a garganta silenciosa para receber o Verso/Bebé, chamado gente.
Que delícia!

Beijo

SOL

Ulisses Reis ® disse...

Passando para deixar meu desejo de uma semana linda, beijos

Pena disse...

Notável e Excelente Poetiza Amiga e de sonho:
Gente. Um belo poema sobre as pessoas e a entrega de beleza versejada do seu amor por inteiro.
Admirável e fabulosa. Perfeitos versos de magia poética pura e maravilhosa.
MUITO OBRIGADO pelo seu carinho.
É uma poetiza de deslumbre.
Abraço amigo de respeito pelo que constrói com ternura e pureza.
Sempre a admirá-la

pena

Grato por tudo.
É sublime e genial, nunca esqueço, nem nunca esquecerei, pode ter a certeza, amiga.
Adorei.
Bem-Haja, pelo seu talento gigantesco.

Al Reiffer disse...

Belíssimo e intenso teu blog, parabéns! Abraços!

Madá disse...

A saudade incomodou, mas, deixou a certeza, traria seus versos de volta... Bom retorno, amiga e poeta querida.

bjs/Madá.

Everson Russo disse...

Muitas vezes nos perdemos em nosso interior,,,nos sentimos assim, aprisionados de nós mesmos...beijos de bom dia pra ti amiga.

MARILENE disse...

Seu mar, que chamou imenso e acovardado, apenas descansa no quebrar das ondas, suavemente. Há uma energia oculta que alimenta esperanças de renascimento, de gente, de vida.

Você é um encanto com seus versos.
Que delícia vê-la aqui, postando!
Bjs.

El Sentir del Poeta disse...

Querida amiga, precioso poema.
una belleza tu blog.
es un placer leerte.
besitos para ti, que Dios te bendiga

José disse...

Nesse mar acovardado
Deixas um suave odor a maresia
E que bom teres nadado
Rumo à nossa companhia

Obrigada pela visita
te espero sempre.

Beijinho grande,
José.

Louro Neves disse...

Doce preocupação de poetisa!
Belas palavras que refletem um coração cheio de humanidade, cheio de "gente", cheio de poesia.

abraços, querida!

Poemas del Alma disse...

┊    ★ ┊
┊   ┊ ☆   ☆┊    ★┊
☆┊   Querida amiga ☆
┊ ┊   ★ Como estás? ☆
┊   ☆ ┊ Paso a saludarte! ★
★ Te dejo todo mi cariño! ┊ ☆┊
☆ ┊Que Dios te bendiga┊  ☆
★ ★Besitos para ti ┊ ★ ★
☆ ┊ ☆┊que tengas un
┊   ★ maravilloso día ☆
☆┊   Se feliz ★
┊  ☆  ★ Noemi┊★

http://www.el-sentir-del-poeta.com
http://www.poemas-delalma.com

Al Reiffer disse...

Uma comovente mensagem... Abraços!

Jeferson Cardoso disse...

Sonia, e ser gente é mesmo tudo isso, é se arrebentar contra as rochas e lamber às areias, fluir rumo ao horizonte, e tudo só pra ser gente... Que bom que esteve em meu blog! Fiquei feliz por lhe ver novamente, linda! Abraço!

Sonhadora disse...

Minha querida

Como sempre lindo o que escreves e como sempre me encontro nas tuas palavras.
Obrigada pela visita e deixo um beijinho com carinho.

Sonhadora

Paulo Bouvier disse...

O é mesmo isso, apenas se deixar levar pelas ondas.
Linda... esplendido... ótima escrita. Adorei.
Gostei daqui e virei sempre.

Convido-lhe para visitar meu blog., comentar e seguir se tu gostou. (http://paulobouvier.blogspot.com/)

Obrigado!

Antonio disse...

Querida Sonia: vc é fantástica.
beijos, obrigado pela força e pelas visitinhas ao meu espaço.
A força da poesia é a força do mar.
Paz e força..beijos

Suely - HD disse...

Olá Sonia,

boa noite,

Tenha uma sexta-feira mto abençoada.

bjos
suely

Michèle Christine disse...

Soninha, cada vez que apareço por aqui para ler as novidades me deparo com os meus gifs. Você não pode imaginar como fico envaidecida por estar aqui neste seu espaço. AFF! É glória.... Obrigada por este carinho.
Beijins, Michèle

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...