23 de ago de 2016

Temporais...





"...E faço explodir a madrugada nos meus olhos... Convoco devagar os temporais e assumo a chuva que cai, torrencial... Aos primeiros sons de uma manhã sonâmbula, retiro os escombros das lembranças e convido o sol para entrar numa casa limpa e sem memórias..."

Soni@Pallone*•.¸¸.•*¨✿✿¨*•.¸¸.•*¨`*.¸.*¸.´´¯`"¯`•.¸¸.*¸¸.

7 de ago de 2016

QUEBRANDO AS REGRAS...


QUEBRANDO AS REGRAS...
Soni@Pallone



Alce o seu voo. 
Tome impulso.
Ajeite as asas.
Se entregue por inteiro, ao delírio,
ao devaneio...
Quebre as regras, 
nem que seja por rebeldia...
Experimente o prazer de ser livre
e voe... voe...
Até onde os seus limites, 
ultrapassados,
te fizerem parar...
Encharque-se do suor do sol da liberdade...
E volte apenas quando o coração, 
cansado,
reclamar de saudades...

20 de jul de 2016

Crônica para um amigo



CRÔNICA PARA UM AMIGO...

Soni@ Pallone ✿✿¨*•.¸¸.•*¨✿✿¨*•.¸¸.•*¨✿✿✿¨*•.¸¸.•*¨✿✿¨*•.¸¸.•*¨✿



"...Amigo não é gente. Amigo é anjo. Que te fala as verdades mas ouve as suas razões... Que te quebra as pernas mas te segura no colo... Amigo é luz no escuro, é sol no inverno, é chuva na seca, é perdão no erro...

Amigo é aquele que sempre tem a palavra certa... Não importa se é aquela que você quer ouvir, mas com certeza é aquela que você "precisa" ouvir... Que respeita as diferenças...Que não olha a tua cor, nem a tua beleza... Que te aceita como é, e nunca pergunta por que é... Não quer saber se você é hétero ou se é homo, apenas te quer feliz com a sua escolha...

Amigo não precisa ser certinho, basta apenas que tenha carinho na medida certa, não demais porque sufoca, nem de menos porque faz falta... A única coisa que se exige de um amigo, é que ele esteja ali, na hora de enxugar a lágrima, na hora de ouvir calado, na hora de concordar e discordar com a sinceridade e a sensibilidade à flor da pele. Se possível, de braços permanentemente abertos para te abraçar depois de uma longa ausência ou após uma longa espera... Entender seu afastamento, se ele houver, sem questionar... apenas estando ali, ajudando a colar os cacos... juntando tudo de novo, enquanto canta a canção que você mais gosta..."

22 de jun de 2016

Resgate de uma Paixão


Resgate de uma Paixão...
Soni@Pallone

"...Você fez a retrospectiva de uma parte da minha história... Me puxou pelas mãos e navegou comigo no túnel do tempo...  Me mostrou imagens que eu havia apagado, leu os poemas que eu tinha escrito, recuperou as palavras que andaram soltas por aí, livres como pássaros sem destino... Me falou novamente com a mesma voz que acalentou e enterneceu os meus ouvidos... Mesmo assim, estou aqui,  sentindo-me vazia e faltando um pedaço, como se a "realidade"  que você trouxe de volta, não passasse de um sonho, que ao amanhecer, esqueci..." 


1 de jun de 2016

ENCONTROS E DESPEDIDAS...


ENCONTROS E DESPEDIDAS...
Soni@Pallone

"...E a vida continua... Tenho um poema em que digo sobre as pessoas que a gente ama;  que mesmo que elas estejam caminhando conosco, em algum ponto da caminhada  elas param. .. E a gente continua, com passos mais cansados, com uma energia diferente, faltando mais um pedaço, que se juntou àquele outro, etc, etc.. Não sei se me fiz entender...mas o que eu quero dizer, é que toda vez que a gente se despede de alguém querido que parte para um outro plano, seguimos um pouco mais desfalcados,  e é onde se dá o cansaço, a parte ruim de viver...São dois lados da moeda : primeiro, estamos vivos, vivemos o que outros não viveram, chegamos onde outros não chegaram...Segundo: começamos a diminuir, minguar, vários pedacinhos deixados pra trás... Uns doeram mais, outros doeram menos, mas é sempre uma despedida...E despedidas, embora tristes, não são mais do que recomeços... O início da espera do reencontro... Isso em mim é tão claro quanto o sol que me banha agora... E é o que me traz conforto...A certeza do abraço regado e florido de saudades..." 


Visitem minhas minhas páginas no Facebook:

Pedacinhos Coloridos
Canto das Palavras
Música não tem Época


29 de mai de 2016

DESVÃOS...


DESVÃOS
Soni@Pallone

"...Os recantos que abrigaram minha infância
 e que sorriram com a minha inocência, 
são os mesmos que viram meu olhar de amor 
fazer poesia com as nuvens,
 apaixonar-se, virar mulher...
Nesse mesmo lugar, plantei árvores, 
colhi frutos, vivi a vida,
 sem tempo e sem hora...
Esses mesmos refúgios,
 serão ainda os mesmos,
 quando, cansada,
 missão cumprida, 
eu tiver que ir embora..."


Visitem minhas minhas páginas no Facebook:

Pedacinhos Coloridos
Canto das Palavras
Música não tem Época



22 de mai de 2016

Segredos Ocultos




Segredos Ocultos
Soni@Pallone


"... Trago na boca segredos
que o tempo me fez calar
Um coração que não se cansa
e gotas que ainda posso chorar
Meus pés cansados da andança
e  mãos ásperas de procurar...
Olhos opacos... cegos de loucura...
Pés e mãos numa atadura
 Peito ferido por herança...
Feito doença sem cura
E música sem a dança..."
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...