17 de mai de 2016

BRUMAS


BRUMAS
Soni@Pallone

"...Se nada mais te dá acalanto,
fique quieta
silenciosa num canto...
Se vier alegria, 
não grite,
seja feliz "baixinho"...
Ouça seu coração.
Perceba-se melhor.
Floresça, mansa,
em seu jardim...
Desnecessário abrir os véus..."


Visitem minhas minhas páginas no Facebook:



5 comentários:

✿ chica disse...

Linda e contendo uma verdade; Não precisamos alardear tristezas ou felicidades...bjs, chica

Tais Luso disse...

"Desnecessário abrir os véus..."

Adorei essa sabedoria, Soninha! Pra quê alardear se a discrição é melhor, mais chique e mais nossa?
Beijinho, poderosa.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Adorei o poema e a imagem "belíssima"!!!
Bjs. amiga
Irene Alves

C@urosa disse...


Um belo poema, ser feliz, ser inteira... num silêncio pleno.

forte abraço

c@rlos ros@

Sueli disse...

Ah, se eu tivesse aprendido isso antes! ... Teria aprendido a ser feliz, mais cedo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...