29 de ago de 2010

RETRATO DA TARDE


"...Respiro o silêncio com desassossego bom, enquanto o cheiro do inverno nutre uma tarde ociosa de ruas quase secas e desertas, indefinidamente prolongadas... Vejo homens espaçados, pássaros em bando e caras negras de olhos brancos...

Enquanto a brisa frisa a água, o sol se põe e revela segredos, tingindo as horas de um ouro pálido que se espalha por entre nuvens e montanhas, deixando pedras e rostos dourados...

Cada coisa se movendo à caminho das próprias formas, usando as menores sombras...

Minha visão dispersa, abriga detalhes que a sensibilidade ainda me permite, graças a Deus..."

21 de ago de 2010

HORA CERTA




HORA CERTA
Sonia Pallone


"...Os pensamentos poéticos
tem hora exata...
Se eles não forem colocados
de imediato num papel,
tornam-se dispersos
e sem graça...
Nunca mais serão os mesmos!

É como o amor que a gente não vive
quando acontece...
Transforma-se apenas em relicário
de sentimentos..."


13 de ago de 2010

Oração de Menina Triste


ORAÇÃO DE MENINA TRISTE
Soni@ Pallone


"...Sempre fui um pouco nostálgica, feito pracinha vazia com aqueles bancos solitários de cimentos descascados...Abracei a vida com fúria, e vivi todas as vertigens com voracidade...

Mergulhei em todos os abismos e passei frio na alma, desde que meu coração numa curva sinuosa, quebrou desavisado...

E quando já não haviam no meu céu, nem lua nem estrelas de reservas, abraçada com a minha fé eu pedi paz a Deus...

Chorei pela menina que não fui, pelas descobertas precoces e indevidas, pela infância cinzenta e pelas mãos sujas de gente grande, que pesadelos amargaram tanto tempo...

Anjos alvoroçados e sensíveis solidarizaram-se com o meu clamor e evocaram prioridade a Deus que ouviu e se comoveu...

Com meu olho desfocado eu vi branco no vermelho, vi luz na escuridão, vi amor no grande ódio... Tive medo e solidão...

Senti-me entre espinhos, mas Deus com delicadeza tirou de mim um por um, enchendo minha vida de esperança assim como quem infla, com paciência, uma bola colorida de criança..."




11 de ago de 2010

Série Curtinhos - 11/08


Mais três cartões da Série que divido com vocês. Beijo no coração de cada um que aqui estiver, afagando minha poesia.




dis









5 de ago de 2010

Retornando, aos poucos...


Olá amigos! Fiquei ausente do meu cantinho todo este tempo, pela falta da internet causada pela minha mudança, porém, a tristeza de estar longe, de repente se transformou em alegria ao ver tantos recadinhos aqui , repletos de ternura, bordados com os fios mais diversos, porém sempre tão delicados e generosos. Obrigada meus amores, pela colcha de retalhos tecida apenas por este carinho tão implícito que me sensibilizou. Vou deixar aqui um poema, mas não voltarei a postar novamente até que consiga agradecer a visita de cada um que aqui esteve deixando o seu rastro perfumado. Pra ajudar, estou com banda larga limitada e isso deve demorar um pouco, mas devagar, e com a alma carregada de saudade e carinho, retomarei meus passos na companhia poética e tão preciosa de vocês.

TROP
PERDAS E DANOS
Soni@ Pallone

"...Todos os passos trôpegos
e poesias inacabadas
retratam, feito livro surrado,
um trecho da minha história...
No escuro das ruas,
estrelas fazem brilhar pensamentos lúdicos,
restaurando fantasias
e trazendo imagens perfeitas
do meu mundo danificado..."



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...