24 de mar de 2010

METAMORFOSE


METAMORFOSE
Soni@ Pallone


"...Eu vejo além do que posso ver...
Inspiro-me na imensidão e na beleza das coisas
espelhando-me, incômoda...
extasiada...
São vozes que eu bebo das intensas matas...
São silêncios que eu vivo de simples riachos...
Deponho nas arestas das árvores móveis,
o suor das minhas mãos
E enquanto o caule do meu sopro se extingue,
amores nascem
na gravidez dos sorrisos..."

22 de mar de 2010

SAUDADES DE AMIGO


Saudades de Amigo

Soni@ Pallone


"...Saudades de amigo,

Embora seja uma saudade aliviada

Como um sopro de vento no calor causticante

Ou um sol de inverno nas manhãs cinzentas,

não deveria existir...


Mas é assim

Que estou me sentindo hoje...

Metade de mim sou eu.

A outra metade, é só saudade, amiga...

De você..."


17 de mar de 2010

ECOS DO PARAISO


Ecos do Paraíso
Soni@ Pallone


"...Quando a noite engole os pesadelos
E o não saber das horas permite
Que o dia role solto pelos campos...

Quando o silêncio e a limpidez das águas
contornam a paisagem que
fascina em linhas gerais,
os olhos se perdem
no infinito de um horizo
nte sereno...

Entre focos de luz
vejo ao fundo uma felicidade esculpida
E feito ecos de um paraiso
ouço todos os sons ressoarem...
É então que grito pra Deus as palavras
e me atiro sem medo,
a um vôo de asas quebradas..."



7 de mar de 2010

A ÚLTIMA DANÇA...





A ÚLTIMA DANÇA
Soni@ Pallone


"...Meu tempo hoje,
é como os pés
delicados e doloridos de uma bailarina...
Definitiva
e apaixonadamente exaustos...
Beijaram todos os chãos.
Alcançaram todos os cimos.
Embriagaram-se nas voltas
e entonteceram nos rodopios...
Dançaram tudo.
Todas as notas.
Enquanto o som da música
se fez ouvir, eu dancei...
E quando silenciou
morri..."

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...