27 de jul de 2009

DESENLACE



DESENLACE
Soni@ Pallone


"...Anseio por uma identificação tão anônima colada no meu íntimo, mas não sei o preço que isso me caberia... Romper os vínculos, os cordões, o sentimentalismo que sempre me moveu...

Depois de muito pranto, sorrir um riso feliz, sem tempo de chegada ou de partida...Sem achar que me violentei por derrubar o muro que me prendia, porque a violência foi minha, enquanto me submeti e me envergonhei de mim e do meu medo...

Desprendi-me como se desprende a alma sem sofrimento depois da morte... E agora quero ficar assim, como um fantasma sem correntes, até que a ausência de sentidos me empurre docemente para dentro de uma noite pacificada, fresca e sem mistérios..."



17 de jul de 2009

Balada da Inspiração



Balada da Inspiração
Sonia Pallone

"...Converso com a minha poesia,
depois das cinco da tarde
quando o sol já morre devagar...

À minha inspiração entrego
o que escrevo no peito trincado...

E no sulco marcado
Eu mergulho e deixo
uma pedra no fundo..."
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...